A temporada do IR da pessoa física está chegando. Que tal começar a preparar a papelada?

07/12/2017 16:19:32

Fim de ano sempre é uma excelente época para se pensar em festas, presentes, congraçamentos, etc.  Porém, não se pode esquecer que também é um tempo apropriado para se pensar no imposto de renda da pessoa física. Afinal, diga-se de passagem, o tempo urge e o dia 30 de abril de 2018 não está tão longe assim.

Se você for uma pessoa bem organizada (o que é raro, quando se trata de documentação), certamente estará com tudo preparado. Mas, se você fizer parte de uma ampla maioria (nunca se esqueça do dito popular: “brasileiro sempre deixa tudo para a última hora”), está na hora de iniciar o processo de reunião dos documentos necessários.

Eis uma lista inicial, resumida, de documentos:

  1. Rendimentos
  2. Bens e direitos
  3. Dívidas e ônus
  4. Renda variável
  5. Informações gerais
  6. Pagamentos e doações efetuados
  7. Programas auxiliares da Receita Federal do Brasil, se tiverem sido preenchidos obrigatoriamente ao longo do ano-calendário: Ganhos de Capital, inclusive em moeda estrangeira, Carnê-Leão, Livro Caixa da Atividade Rural, etc.

Observação : Quando se tratar de declaração conjunta com dependentes (esposa, filhos, etc.), também será necessária a reunião de todos os documentos relativos a eles.